Algumas dicas de como encontrar e usar referências

Algumas dicas de como encontrar e usar referências
Mãos de personagem escrevendo carta na mesa com papéis, lápis, envelopes e xícara de café.

Imagem: Freepik

O texto é uma conversa. Nas páginas que escrevemos, imaginamos nossos leitores, outros escritores e demais pessoas que se valerão das nossas palavras para seus próprios objetivos. Por isso, como em qualquer diálogo, precisamos ter responsabilidade com o que compartilhamos e usar referências para sustentar nossas opiniões.

Responsabilidade e autoridade! Boas referências também nos garantem propriedade para trabalhar um determinado tema em profundidade, estabelecer os nexos entre tópicos e desenvolver uma boa síntese. Referências nos ajudam a nos expressarmos melhor e a criar nossas próprias ideias.

Alguns cuidados são essenciais quando queremos trabalhar com referências. Precisamos saber encontrá-las, avaliá-las e usá-las. Por isso, escrevi sobre alguns passos que eu costumo utilizar nos meus textos.

Onde encontrar referências?

Um bom escritor é um leitor ainda melhor. Jeferson Tenório, vencedor do prêmio Jabuti em 2021 com O avesso da pele (Companhia das Letras, 2020), destaca a leitura em sua rotina de escrita. 

Ao blog Literatura RS, Tenório confidenciou que não escreve diariamente, mas lê todos os dias. Por isso, jamais deixe de explorar sua bagagem de leitura em seus textos. Isso tornará sua escrita tão confortável quanto convincente.

Além disso, você pode buscar boas referências com os instrumentos de pesquisa certos. Utilize o portal de periódico da capes, o scielo ou o google acadêmico. Esses buscadores lhe levarão para sites de revistas acadêmicas ou portais de divulgação da ciência, onde o conteúdo é, por regra, revisado por uma comunidade científica.

Outra opção é o Academia.edu, onde pesquisadores de todo o mundo disponibilizam seus trabalhos. Selecione um conjunto de textos e destaque os autores que mais vezes são citados em um tema e abordagem específica. 

Geralmente, esses pesquisadores referenciados muitas vezes seguidas sustentam uma comunidade de leitores de suas obras. Por isso, vale a pena conferir seus trabalhos antes de escrever.

Quais cuidados tomar com as referências?

Contudo, é necessário cuidado quando utilizamos referências: é preciso dar os créditos a quem é de direito! Lembre sempre de citar os autores consultados, o título das obras lidas, a editora que publicou o trabalho e o ano em que foi publicado. Essas informações garantem que o leitor encontre e confira suas fontes.

Quando utilizar artigos ou portais de divulgação, destaque o título desses periódicos. Além de garantir autoridade para seu texto, você colabora com a valorização do conhecimento científico! Também é importante lembrar que paráfrases (incorporação de ideias retiradas de outro texto) e citações diretas devem ser acompanhadas das referências.

Quando copiar algum trecho de um trabalho, utilize aspas e destaque não apenas o autor e a publicação, mas também a página onde a citação pode ser encontrada. Pequenos cuidados como esse podem evitar, no futuro, uma acusação de plágio. Utilização indevida de propriedade intelectual é crime, por isso o excesso de atenção às referências nunca é demais.

Diante do contexto atual de ataque à ciência e negacionismo, é preciso reforçar a importância de usarmos boas referências. Assim, colaboramos com um debate responsável de ideias.

Esse também é um compromisso da Prensa. Torne-se creator e escreva textos bem embasados! Se inscreva aqui.


Quer escrever na Prensa?

Junte-se a uma comunidade de Creators que estão melhorando a internet com artigos inteligentes, relevantes e humanos. Além disso, seu artigo pode fazer parte do Projeto de Monetização, e você pode ganhar dinheiro com ele!

Clique aqui para se cadastrar e venha com a gente!


Topo