Como um empreendedor deve usar as redes sociais

Como um empreendedor deve usar as redes sociais

A premissa "menos é mais" cai como uma luva para empreendedores quando o assunto é o uso das redes sociais. Na era da liquidez, os limites entre privado e público ficam cada vez mais confusos.

Muitos profissionais optam por abrir dois perfis nas redes sociais com o intuito de escancarar a vida pessoal sem perder a credibilidade da profissional. Em princípio, parece uma solução válida. Porém, é possível pensar em outro caminho, provavelmente mais criativo e interessante: unir tudo em um mesmo perfil, colocando 90% de conteúdo sobre trabalho, ideias, divulgação de conhecimento e valores e somete 10% de eventos cotidianos, que incluem passeios e viagens familiares e com os amigos, postagens românticas, imagens do pet, idas à academia.  Mas por que colocar tudo em um mesmo perfil?

Devemos usar a liquidez a nosso favor. Se, por um lado, a era líquida deixa tudo confuso e instável, ela também proporciona mais fluidez e liberdade para criarmos e nos reinventarmos quantas vezes forem necessárias. Unir cenas do cotidiano com as nossas ideias e conhecimentos profissionais agrega valor à nossa imagem.

Atualmente, o empreendedor engravatado e sisudo não gera mais o mesmo impacto. Gostamos de ver que quem decidiu empreender é gente como a gente. Gostamos de ver que quem decidiu empreender sabe se divertir com os amigos, curte estar em família e dedica algumas horas por semana para relaxar. Inserir alguns momentos cotidianos e privados humaniza o perfil, gera empatia, identificação. O mundo atual pede por empatia e identificação, pois as relações estão cada vez mais horizontalizadas. 

Usar as redes sociais com minimalismo é bem eficaz para quem quer transmitir uma imagem confiante, proativa e empreendedora. Apostar na qualidade é melhor que apostar na quantidade. O excesso de postagens banaliza o seu conteúdo e a sua imagem. O excesso de momentos privados indica uma pessoa insegura, que deseja likes para respaldar as suas relações pessoais, as suas realizações profissionais, a sua aparência física.  

Unir privado com público é uma estratégia poderosa, como, por exemplo, mostrar um momento de descontração em um barzinho com parceiros de trabalho. Se, você, realiza, por exemplo, uma live semanal, quinzenal ou mensal com um, ou mais parceiros, mostrar todos num momento relaxante pode ser bem impactante para quem acompanha o conteúdo gerado pela equipe.

Entrar em contato com um pouco da intimidade de profissionais que admiramos e agregam valor á nossa vida é uma experiência estimulante. Não queremos mais robôs donos da verdade. Queremos quem se abre para o debate, para novos olhares, para quem aprende ensinando, para quem tem sensibilidade e força ao mesmo tempo. 


Quer escrever na Prensa?

Junte-se a uma comunidade de Creators que estão melhorando a internet com artigos inteligentes, relevantes e humanos. Além disso, seu artigo pode fazer parte do Projeto de Monetização, e você pode ganhar dinheiro com ele!

Clique aqui para se cadastrar e venha com a gente!


Topo