O Farisaismo Teológico do século 21

O Farisaismo Teológico do século 21

Neste artigo, a ideia central é mostrar que o conhecimento Teológico sem a autoridade que provém dos céus, é puro Farisaismo religioso.


 

"21 Eles foram para Cafarnaum e, logo que chegou o sábado, Jesus entrou na sinagoga e começou a ensinar.
22 Todos ficavam maravilhados com o seu ensino, porque lhes ensinava como alguém que tem autoridade e não como os mestres da lei (Escribas)"

Marcos.1:21-22

Nos últimos 10 anos, a sede por conhecimento Bíblico e Teológico aumentou de uma maneira assustadora, porém nós (todos os amantes de bíblia), estamos deixando de lado algo primordial, de suprema importância, a autoridade.

Os Escribas, detentores de um conhecimento extraordinário, não conseguiam influênciar e nem muito menos persuadir seus ouvintes, eram simples palavras jogadas ao vento. O que aprendemos com a passagem bíblica acima pode ser descrito da seguinte forma; você pode ter todo o conhecimento bíblico do mundo, pode saber recitar o Salmos 119 inteiro de trás para frente, mas se não houver autoridade direta de Deus, do que vai adiantar? Não é a toa que João Batista nos diz de que o homem não pode receber coisa alguma, se não lhe for dada do céu (Jo:1:27).

Logo, que a sede de conhecimento se transforme em sede de autoridade, para que assim, haja o perfeito equilíbrio entre Graça e Conhecimento.

Imagem de capa - Miguel Alves

Topo