O legado de Thor em Love and Thunder

O legado de Thor em Love and Thunder

Imagem: Marvel Studios / Reprodução

Thor, interpretado por Chris Hemsworth, foi lançado em 17 de abril de 2011, e levou à euforia os fãs de quadrinhos, não só por trazer um dos mais famosos heróis da Marvel aos holofotes, mas também por apresentar um roteiro recheado de cenas de ação e uma dose considerável de humor.

Cerca de um ano após o lançamento de Os Vingadores, o segundo filme do herói, Thor - O Mundo Sombrio, dividiu opiniões dentre os fãs.

O segundo filme, dirigido por Alan Taylor, não conquistou a crítica. De acordo com o Rotten Tomatoes, a produção ficou com 66% de aprovação, 10% a menos que o longa de estreia. 

A reviravolta do herói nos filmes solos veio em Thor - Ragnarok, que deixou os fãs boquiabertos. Desta vez, sob direção de Taika Waititi, Thor alcançou seu ápice.

Arrecadando R$ 854,00 milhões de dólares, conquistando 93% de aprovação no Rotten Tomatoes e deixando os seguidores da Marvel de cabelos em pé, o herdeiro do trono de Asgard alcançava sua melhor marca até agora.

Jane é digna

Apesar de toda e qualquer oscilação, uma personagem em específico marcou presença nos filmes solo de Thor. Jane Foster, interpretada pela consagrada atriz Natalie Portman.

Após uma aparição diferente do habitual em Vingadores - Ultimato, onde Thor surge bem distante do tradicional porte físico atlético, e com indícios de problemas psicológicos, chegou a vez do filho de Odin passar o martelo à diante.

Sendo assim, coube a Jane Foster, assumir a liderança do poderoso martelo nórdico, Mjölnir, demonstrando que também é digna do tal.

O posto de Thor é passado diretamente para Jane, que de maneira triunfal domina a arma, o traje, e as responsabilidades da nova heroína.

Elas no poder!

Imagem: Marvel Studios / Reprodução

Além de protagonizar obras como, O Cisne Negro, V de Vingança, e alguns capítulos da saga Star Wars, a atriz norte americana Natalie Portman também teve seu espaço garantido no universo Marvel, e agora, no papel de protagonista em filme de super-heróis.

Após o sucesso de Mulher Maravilha, produzido pelo estúdio Warner Bros, a heroína da DC Comics abriu as portas para uma nova era de filmes de heróis estrelados por mulheres.

A Marvel respondeu à altura e lançou o longa da Capitã Marvel, que além do seu próprio filme, também teve participações posteriores no MCU.

Os dois estúdios, que apesar de concorrentes, vêm enfatizando a importância e principalmente a força das mulheres do universo dos super heróis, ganham mais uma bela representação que estreia em 7 de junho de 2022.

Expectativas Heróicas

Acima das dúvidas referente a permanência de Hemsworth no universo MCU, estão as expectativas de Portman no papel de heroína.

Ao longo das filmagens, algumas imagens vazadas do set de gravação mostraram o ímpeto da atriz em se preparar para o papel. Desta maneira, Natalie deixou os adeptos da cultura geek ainda mais alvoroçados ao exibir seu porte físico musculoso aos fãs.

O trailer, por sua vez, é muito colorido e animado, causando arrepios e aumentando ainda mais as expectativas.

Como de costume nas produções da Marvel, conexões com obras anteriores são recorrentes e corriqueiras, e indícios e dicas de produções futuras causam muita curiosidade.

Além de menções sobre um passado não tão distante dentro do universo dos heróis no cinema, o recorte também garante diversas referências aos quadrinhos. 

Como por exemplo, alguns trajes do personagem principal com muitas semelhanças aos da HQs, e também a reprodução de algumas cenas extraídas das revistinhas.

Já é de hoje que a Marvel conecta uma produção à outra, deixando assim os seus seguidores cada vez mais interessados em acompanhar os longas e as séries.

Desse modo, não seria diferente em Thor - Amor e Trovão, onde uma gama de fãs sugere que uma participação ainda não revelada teve sua imagem retirada digitalmente de um frame do trailer.

Ao som de Guns N Roses, o último teaser da produção mostrou de forma clara que, apesar de todo o passado triunfal, o personagem de Chris Hemsworth não tem mais o mesmo ímpeto para atos heróicos.

De qualquer forma, além do bom e velho Rock’ N Roll, o recorte do filme também expõe uma interação entre a cultura nórdica e grega, que a princípio é representada por Zeus, interpretado por Russell Crowe

O que por sua vez, abre uma possibilidade de participações futuras neste vasto universo cinematográfico.

De antemão, as expectativas estão voltadas à participação e importância de Jane no papel principal, no combate contra Gorr, que apesar não dar as caras no trailer, certamente será um antagonista à altura, principalmente por ser interpretado pelo astro Christian Bale.

Com tantas mudanças e progressões no elenco, quais são suas expectativas para Thor - Amor e Trovão?

Acredita que Natalie Portman surpreenderá?

Crê em um futuro com mais participação das mulheres no universo dos heróis?


Quer escrever na Prensa?

Junte-se a uma comunidade de Creators que estão melhorando a internet com artigos inteligentes, relevantes e humanos. Além disso, seu artigo pode fazer parte do Projeto de Monetização, e você pode ganhar dinheiro com ele!

Clique aqui para se cadastrar e venha com a gente!


Topo