A Prensa foi feita para os ávidos e inconformados.

Onde a Disney acertou: o felizes para sempre está de cara nova

Ao longo das últimas décadas, a Disney fez consideráveis alterações na trajetória de suas heroínas para se adequar aos novos tempos. Confira como a construção das icônicas princesas mudou e os diferentes relacionamentos (que não os românticos) são tratados nas animações.

Ouça o rugido da Cruella, que não é cruel!

“Cruella”, live-action dirigido por Craig Gillespie, estrelado por Emma Stone e lançado no cinema e na plataforma do Disney+ no dia 28 de maio, conta a origem da vilã, Estella, e todos os seus passos para a revelação do seu alter ego, Cruella de Vil.

Topo