O fator Simone Tebet

O fator Simone Tebet

Imagem: Programa Roda Viva/TV Cultura.

Logo que a senadora Simone Tebet (MDB-MS) anunciou a pré-candidatura à Presidência da República, seus pares no Congresso Nacional, bem como os analistas políticos de plantão, reagiram com a afirmação de que “ela só está tentando se viabilizar como vice de algum candidato”. 

Uma demonstração clara de que o machismo e a política andam de mãos dadas, pois tal raciocínio remete à inviabilidade precoce de sua candidatura. Provavelmente, esta visão seja fortemente contaminada pela gestão da ex-presidente Dilma Rousseff, punida com o impeachment por conta de “pedaladas fiscais’, uma prática comum que não afetou outros gestores públicos, mas para ela foi fatal.

Este conteúdo gratuito é exclusivo para usuários cadastrados.


Quer escrever na Prensa?

Junte-se a uma comunidade de Creators que estão melhorando a internet com artigos inteligentes, relevantes e humanos. Além disso, seu artigo pode fazer parte do Projeto de Monetização, e você pode ganhar dinheiro com ele!

Clique aqui para se cadastrar e venha com a gente!


Topo